4 bilhões de pessoas ainda não tem acesso à internet

O Banco Mundial lançou um estudo que revela que, apesar dos avanços tecnológicos e do aumento da penetração de aparelhos digitais, cerca 60% da população mundial não possui acesso a . O Relatório sobre o Desenvolvimento Mundial 2016: dividendos digitais, de autoria dos co-diretores Deepak Mishra e Uwe Deichmann, detalha a distribuição da inclusão digital no mundo – e o resultado  não é dos mais animadores.

De acordo com os dados divulgados pelo Banco Mundial, 6 bilhões de pessoas não possuem conexão de banda larga, 4 bilhões estão fora da internet, 2 bilhões não têm aparelhos celulares e 400 milhões não possuem sequer sinal digital na região onde moram. O “campeão” da exclusão digital é a Índia, com mais de 1 bilhão de pessoas offline, seguido pela China, com 755 milhões de desconectados.

“As tecnologias digitais estão transformando o mundo dos negócios, trabalho e governo”, disse Jim Yong Kim, presidente do Grupo do Banco Mundial. “Temos de continuar a conectar todos e deixar ninguém para trás, porque o custo das oportunidades perdidas é enorme. Mas para que os dividendos digitais sejam amplamente compartilhados entre todas as partes da sociedade, os países também precisam melhorar o clima de negócios, investir na educação e na saúde das pessoas, e promover a boa governança”.

Apenas 1,1 bilhão de pessoas têm acesso à internet em alta velocidade o que representa 15% da população do planeta. O ainda apresentou um gráfico interessante: como seria o mapa mundi se cada país tivesse o tamanho proporcional à sua população conectada? O resultado é esse:

WEB

O Brasil, segundo o estudo, possui uma população de 98 milhões de pessoas fora da internet. Esse número, entretanto, foi contestado pelo Governo Federal. Para o Ministério das Comunicações, o dado chama a atenção devido ao tamanho da população brasileira, estimada em 204 milhões de pessoas. Segundo a Secretaria de Telecomunicações do ministério, 55% dos brasileiros com pelo menos 10 anos de idade são usuários de internet.

“Logo, de acordo com esses dados, somos 96,4 milhões de usuários e 78,9 milhões de pessoas com 10 anos ou mais de idade offline. Este último número é consideravelmente inferior à estimativa apresentada no estudo do Banco Mundial, mas, ainda assim, representa um grande contingente de pessoas sem acesso à de Internet”, diz o ministério.

Fonte: http://blogs.ne10.uol.com.br/mundobit/

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s