Após alguns boatos circularem nas redes sociais sobre a autenticidade do Carnê da Cidadania, que reúne os boletos a serem pagos mensalmente pelos 4,7 milhões de Microempreendedores Individuais (MEI) do país, a Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE) do Governo Federal divulgou algumas recomendações para verificar se o documento é verdadeiro. Confira as dicas abaixo:

No canto direito alto na capa do carnê, dentro de um círculo, deve constar a sequência numérica 9912367707/2015. Além disso, é importante verificar o brasão do Governo Federal na capa do carnê e observar o remetente “Secretaria da Micro e Pequena Empresa” no verso.

Caso ainda persistam dúvidas, é possível consultar no Portal do Empreendedor (www.portaldoempreendedor.gov.br) se o número do documento consta no extrato referente a determinado mês.

Por fim, a SMPE informa que o código de barras do boleto que chega com o carnê não será igual ao de um boleto da mesma data gerado no Portal do Empreendedor. Isso não significa que o documento seja falso e ocorre porque, ao criar um novo boleto, o sistema gera um documento atualizado acompanhado de um novo código.

MEI%2BCarn%C3%AA%2Bda%2Bcidadania.jpg

(Fonte: Terra

Anúncios