Via Mangue completa um mês

Primeira etapa reduziu tempo de viagem. Projeto viário também mellhorou trânsito na avenida Domingos Ferreira, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife

13/07/2014 14:08 – Da Folha de Pernambuco

Clemilson Campos/Folha de Pernambuco

Terceira etapa do sistema viário é a liberação do trecho sentido subúrbio-centro

A Via Mangue completa, neste domingo (13), um mês da liberação da primeira etapa do projeto viário que representa uma nova rota de acesso entre o Centro e a Zona Sul do Recife. Inaugurada pela presidente Dilma Rousseff e o prefeito Geraldo Julio, uma das maiores obras viárias da Capital nas últimas décadas, tem cumprindo a finalidade de reduzir o tempo de viagem dos condutores no sentido Centro-Boa Viagem. O novo sistema de via expressa também melhorou o trânsito saturado que existia na avenida Domingos Ferreira, que teve o volume de veículos reduzido. As expectativas recaem, agora, para os trechos que seguem em obras.

Segundo dados da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), a média de veículos transitando por dia na Via Mangue é de 19 mil. Já na avenida Domingos Ferreira esse número sobe para 28 mil. É importante lembrar que esse quantitativo está fora da realidade e deve aumentar, isso por conta do atual período de férias escolares. Somados os dois fluxos, significa dizer que, atualmente, 41% dos carros com destino aos bairros de Boa Viagem, Piedade e Candeias estão seguindo pelo novo corredor expresso.

“Utilizo sempre, pois melhorou bastante o trânsito, além de reduzir o tempo que gasto todos os dias para ir até Piedade”, observou o corretor de imóveis, Edmilson Ponte. Para o fotógrafo Osvaldo Cordeiro, a entrega da Via Mangue também lhe garantiu, aproximadamente, cerca de 15 minutos a menos de dor de cabeça provocada pelos congestionamentos diários.

A terceira etapa do sistema viário é a liberação do trecho que vai seguir no sentido subúrbio-centro, está com a entrega prevista para 1º de setembro, porém, só até a metade do trajeto. Por conta de intervenções mal planejadas no início do projeto, a pista leste não seguirá até o Pina. Ela termina nas proximidades da rua Henrique Capitulino, em Boa Viagem. De lá, os motoristas terão que acessar novamente as vias internas do bairro e depois as avenidas Conselheiro Aguiar ou Boa Viagem para continuar o percurso até o Centro.

Ao longo do corredor é possível verificar que as obras na pista leste estão avançadas, diferente do passeio público e da ciclovia prevista, que possuem vários pontos inacabados. Assim como para sair da Via Mangue, na altura do complexo de elevados próximo à rua Antônio Falcão, o condutor também terá várias opções para acessar o sistema viário em direção ao miolo do bairro.

FOLHA DE PE

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s