Olinda deve receber shopping em 2017

Investimento estimado é de R$ 500 milhões, com geração de quatro mil empregos.

Serão 355 lojas espalhadas em quatro pisos no mall

Em fase de instalação do canteiro de obras, o Patteo Shopping, em Olinda, está previsto para ser inaugurado em 2017. Inicialmente, a expectativa era que o mall fosse inaugurado até o fim deste ano. Ao todo, o Grupo Celso Muniz (CM), que administra também o Shopping Boa Vista, no Centro do Recife, e o Executive Trade Center (ETC), nos Aflitos, informou que o investimento será de R$ 500 milhões e que o negócio irá gerar, quando estiver operando, quatro mil empregos diretos. Somente com as obras, o empreendimento deve impulsionar cinco mil postos de trabalho. O lançamento do projeto será realizado no próximo dia 29.

De acordo com um dos diretores do Grupo CM, José Luiz Muniz, a estrutura do centro de compras começará a ser erguida no dia 20 deste mês. Além disso, o diretor disse que o empreendimento tem 139 mil metros (m²) de área construída e 50 mil metros de área bruta locável (ABL). No total, serão 355 lojas, espalhadas em quatro pisos. Entre elas, terão lojas de departamento, artigos esportivos, eletrodomésticos, livraria e fitness. Conforme Muniz, já há marcas interessadas em operar no local, mas que, por enquanto, não serão divulgadas.

A obra também inclui a construção de seis salas de cinema, sendo três delas dispondo de exibição em 3D, totalizando 1,6 mil lugares. Será operado pela empresa Cinépolis. O projeto contempla também três praça de alimentação, uma delas com vista para o mar. O público alvo do novo shopping são os moradores dos principais bairros de Olinda.

O projeto assinado pelos arquitetos Eric Perman e Bruno Uchôa, segue um conceito de estrutura verticalizada. O shopping terá quatro pisos, sendo um térreo e mais três andares. Haverá um estacionamento no subsolo e mais três pavimentos garagem. Para aqueles que quiserem deixar o carro em casa, o mall contará com um bicicletário.

Além de administrar dois centros de compras, o Grupo CM também atua no segmento da construção civil. A empresa ainda presta serviços de engenharia em obras públicas e privadas, a exemplo da nova etapa da Faculdade Damas e da obra da fábrica de vidros do Grupo Cornélio Brennand, em Goiana, na Zona da Mata Norte.

FOLHA DE PE

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s