Projeto que altera o Simples Nacional chega ao Senado

Pelo texto aprovado pela Câmara dos Deputados, fisioterapeutas e sociedades de advogados estão entre as atividades mais beneficiadas.

Após a aprovação do Projeto de Lei Complementar nº 221/12, que atualiza a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa (Lei Complementar nº 123/06) pela Câmara dos Deputados, a expectativa do Sistema Fenacon (Sescaps e Sescons) é que o projeto que inclui novas atividades no regime Supersimples seja aprovado pelo Senado Federal rapidamente e sem alterações.

Segundo analisa Mario Berti, presidente da Fenacon (Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas), entidade que representa mais de 400 mil empresas dessas áreas, dentre as maiores novidades do projeto estão a inclusão de várias atividades, antes vedadas, como optantes pelo Simples Nacional, além da migração de algumas outras para tabelas mais favoráveis, como os fisioterapeutas e sociedades de advogados, por exemplo.

“A grande expectativa é que esse texto seja aprovado pelo Senado da forma como saiu da Câmara, pois, caso contrário, em havendo alguma inclusão ou supressão, o texto terá que passar por nova avaliação, o que praticamente inviabilizaria a sua aprovação de imediato, com sério risco de nem ser aprovado mais este ano, por conta de todos os eventos que temos pela frente, como é o caso da Copa e das eleições”, destaca Berti.

(Fonte: http://www.portaldailha.com.br/noticias/lernoticia.php?id=23140)

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s