SENAI abre 70 mil vagas em todo o país

20140417-162154.jpg

SENAI abre 70 mil vagas em cursos técnicos, de aprendizagem e de qualificação em todo o país

Unidades do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) de 13 estados estão com inscrições abertas para 70.404 vagas em cursos técnicos, de aprendizagem e de qualificação. As vagas são voltadas a estudantes da segunda ou terceira séries do ensino médio ou a quem já tem esse nível de escolaridade completo, além de acadêmicos e profissionais que já atuam no mercado. A formação técnica oferece conhecimentos teóricos e práticos e prepara para a entrada no mercado de trabalho no setor da indústria. A duração de cada curso varia e pode chegar a dois anos.

Muitas vagas são pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Nesse caso, o governo federal arca com todas as despesas do curso, desde a mensalidade até transporte, alimentação e material didático. Os interessados devem estudar em escolas públicas ou em particulares com bolsa integral. Para fazer um curso no SENAI pelo Pronatec é necessário entrar em contato com a secretaria de Educação do estado, que fica responsável por encaminhar os estudantes. Conheça alguns dos tipos de cursos oferecidos pelo SENAI:

Cursos de Iniciação Profissional
Preparam para o desempenho de funções básicas e de baixa complexidade de uma ou mais profissões e propiciam condições de inserção genérica no mundo do trabalho.

Cursos de Aprendizagem Industrial Básica
Ajudam os jovens que concluíram o Ensino Fundamental a começarem uma carreira. Os cursos são gratuitos e têm o objetivo de promover a profissionalização de jovens, com idade entre 14 e 24 anos, visando à sua inserção no mercado de trabalho.

Por meio desses cursos, a indústria pode contratar aprendizes, por tempo determinado, atendendo à legislação vigente, e também pode investir na formação de excelentes profissionais.

Cursos de Qualificação Profissional Básica
Os cursos são de carga horária mínima de 160 horas e destinados a trabalhadores maiores de 16 anos, com escolaridade variável de acordo com o exercício da profissão.

Cursos de Aperfeiçoamento Profissional
Indicados para o profissional que busca ampliar, complementar ou atualizar suas competências, no sentido de acompanhar as inovações tecnológicas nos processos de produção e de gestão de uma profissão. Os cursos são de carga horária mínima de 8 horas e destinados para trabalhadores maiores de 16 anos, com escolaridade variável de acordo com o exercício da profissão.

Unidades do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) de 13 estados estão com inscrições abertas para 70.404 vagas em cursos técnicos, de aprendizagem e de qualificação. As vagas são voltadas a estudantes da segunda ou terceira séries do ensino médio ou a quem já tem esse nível de escolaridade completo, além de acadêmicos e profissionais que já atuam no mercado. A formação técnica oferece conhecimentos teóricos e práticos e prepara para a entrada no mercado de trabalho no setor da indústria. A duração de cada curso varia e pode chegar a dois anos.

Muitas vagas são pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Nesse caso, o governo federal arca com todas as despesas do curso, desde a mensalidade até transporte, alimentação e material didático. Os interessados devem estudar em escolas públicas ou em particulares com bolsa integral. Para fazer um curso no SENAI pelo Pronatec é necessário entrar em contato com a secretaria de Educação do estado, que fica responsável por encaminhar os estudantes. Conheça alguns dos tipos de cursos oferecidos pelo SENAI:

Cursos de Iniciação Profissional
Preparam para o desempenho de funções básicas e de baixa complexidade de uma ou mais profissões e propiciam condições de inserção genérica no mundo do trabalho.

Cursos de Aprendizagem Industrial Básica
Ajudam os jovens que concluíram o Ensino Fundamental a começarem uma carreira. Os cursos são gratuitos e têm o objetivo de promover a profissionalização de jovens, com idade entre 14 e 24 anos, visando à sua inserção no mercado de trabalho.

Por meio desses cursos, a indústria pode contratar aprendizes, por tempo determinado, atendendo à legislação vigente, e também pode investir na formação de excelentes profissionais.

Cursos de Qualificação Profissional Básica
Os cursos são de carga horária mínima de 160 horas e destinados a trabalhadores maiores de 16 anos, com escolaridade variável de acordo com o exercício da profissão.

Cursos de Aperfeiçoamento Profissional
Indicados para o profissional que busca ampliar, complementar ou atualizar suas competências, no sentido de acompanhar as inovações tecnológicas nos processos de produção e de gestão de uma profissão. Os cursos são de carga horária mínima de 8 horas e destinados para trabalhadores maiores de 16 anos, com escolaridade variável de acordo com o exercício da profissão.

Amazonas – 1.558 vagas
Bahia – 6.511 vagas
Ceará – 236 vagas
Goiás – 1.120 vagas
Mato Grosso – 2.976 vagas
Minas Gerais – 14.511 vagas
Pará – 90 vagas
Paraná – 5.344 vagas
Pernambuco – 3.158 vagas
Rio de Janeiro – 30 mil vagas
Rondônia – 105 vagas
Santa Catarina – 4.461 vagas
Tocantins – 333 vagas

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s