North Shopping será o maior do interior do NE

Com expansão, centro de compras terá 146 lojas. Investimento na ampliação foi de R$ 20 milhões

MIRELLA FALCÃO

Nova etapa terá 45 novas lojas, um boliche e uma academia, além de um hotel (GUSTAVO PENTEADO/DIVULGAÇÃO)

Nova etapa terá 45 novas lojas, um boliche e uma academia, além de um hotel

Aexpansão do North Shopping Caruaru será concluída em setembro. Após a ampliação, o mall totalizará 43 mil metros quadrados de Área Bruta Locável (ABL) e 146 lojas, tornando o centro de compras o maior no interior do Nordeste. A nova etapa permitirá a abertura de 45 novas lojas, um boliche e uma academia, além de um hotel com 120 leitos. O investimento é da ordem de R$ 20 milhões.

O empreendimento foi inagurado em 1997, como Shopping Caruaru. A mudança de nome se deu há dois anos, quando foi adquirido pelo grupo cearense North Empreendimentos, que possui outros seis centros de compra no Brasil. O novo empreendedor aportou R$ 40 milhões, no ano passado, na primeira expansão do mall, que cresceu a ABL de 16,6 mil m2 para os atuais 30,7 mil2. Um ano depois, o centro de compra ganha esta nova ampliação.

“Quando o shopping foi inaugurado, não havia interesse das franquias em investir no centro de compras, por não acreditarem na Capital do Agreste. Hoje, o cenário é outro. Lojas multinacionais como Coca-Cola e Colcci já nos procuram”, comenta o superintendente do mall, Marcus Belarmino. “Os shoppings do interior são os que mais crescem hoje no Brasil”, afirma o gerente de marketing Gustavo Penteado. De acordo com ele, apesar de Caruaru ter apenas 320 mil habitantes, o shopping atinge um público de 1,2 milhão. “Nossa área de influência vai até Garanhuns. Exemplo disso é que o shopping funciona ao lado de uma universidade, onde mais de 50% dos alunos não são moradores de Caruaru”, acrescenta ele.

O objetivo com as novas lojas é agregar um público classe A ao shopping. “Queremos qualificar o mix para atrair esse consumidor de alta renda que está circulando na cidade”, diz Penteado. Atualmente, o perfil dos consumidores é B e C. “Isso porque a elite prefere comprar nos shoppings do Recife, por conta das marcas que não existem em Caruaru. Com a ampliação, isso vai mudar”, afirma o gerente de marketing.

Dentre as 45 novas lojas, há cinco megalojas e duas âncoras, que devem ser nos segmentos de produtos esportivos e artigos para o lar. A academia é de um grupo do Recife, bem como a bandeira que vai operar o hotel, que só abre em junho de 2013. Ao final da expansão, o centro de compras terá 2,5 mil vagas para veículos. Destas, 200 serão exclusivas para motos. “É uma das cidades que mais vendem motos no Nordeste. É um meio de transporte muito utilizado, inclusive pelas mulheres”, justifica Penteado. A expectativa é que, após a expansão do mall, a média de circulação diária suba de 15 mil pessoas para 21 mil.

DIARIO DE PERNAMBUCO

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s