Porto do Recife encerra 2010 com incremento de 17% na receita

O Porto do Recife chega à segunda gestão do governador Eduardo Campos com as contas mais enxutas. Segundo balanço divulgado hoje pela instituição, a receita do terminal marítimo subiu 17% no exercício de 2010 em relação a 2009, o equivalente a R$ 18,94 milhões. Parte desse bom desempenho também se deve ao incremento na movimentação de cargas do porto, que no ano passado cresceu 15,5%.

No tocante a obras, os investimentos realizados nos últimos 12 meses chegaram a R$ 5,84 milhões, uma alta de mais de 500% no comparativo com 2009, quando a cifra foi de R$ 897,4 mil. E a tendência é que os investimentos continuem em ritmo mais acelerado, já que entre os projetos estruturadores previstos para 2011 constam o lançamento de licitações para os Armazéns 5 e 6 e a reforma e adequação do Armazém 7, que marca o início das obras do Terminal Marítimo de Passageiros.

Segundo balanço do Porto do Recife, que neste mês passa das mãos de Sileno Guedes para Pedro Mendes, ex-secretário da Juventude e Emprego, 1,932 milhão de toneladas de cargas foram movimentadas em 2010. Entre as cargas e descargas que passaram pelo local haviam máquinas pesadas, 12 mil bobinas de aço e  46 mil toneladas de cimento.

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: