O prefeito Elias Gomes deu um novo rumo à discussão sobre a distribuição dos tributos gerados pelo Pólo Industrial de Suape. Para ele, “Pernambuco está unido para dizer que a riqueza do Pré-sal não poderá ficar exclusivamente nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo. Também precisamos nos unir na luta para mostrar que Suape só estará forte se Pernambuco estiver bem”.
O gestor lembrou que o Estado vive um momento de crescimento econômico, no entanto ainda conta com alguns dos municípios de menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil. “Nos últimos 30 anos, o Governo do Estado deixou de fazer investimentos sociais em cidades como Manari, que ficou conhecida por ter o menor IDH do País. No momento do bônus é injusto que só Ipojuca fique com as vantagens”, considera. Leia mais..
Anúncios