Produtores pernambucanos participam da 17º Agrinordeste nesta quarta

Começa nesta quarta-feira (19), em Olinda, a 17ª edição da Agrinordeste. Até a próxima sexta-feira (21), serão discutidos assuntos que envolvem o agronegócio do litoral ao Sertão do Estado no Centro de Convenções. A feira é aberta ao público das 8h às 18h.

O seminário, que acontece anualmente, vai promover 81 palestras nas áreas de bovinocultura, apicultura, caprino-ovinocultura, fruticultura, floricultura, aqüicultura, turismo rural e agroenergia. Além das palestras, o evento promove ainda oficinas temáticas e mini-cursos. Este ano, a expectativa dos organizadores é reunir pelo menos, 2,5 mil participantes.

O presidente da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe), entidade responsável pela organização do evento, lembra a importância do agronegócio para Pernambuco. Só o setor de leite e derivados movimenta todos os dias R$ 3 milhões. “Para ser competitivo hoje no agronegócio é preciso ter informação das técnicas de produção e do mercado”, afirma Pio Guerra.

“Especificamente este ano, com o show de lácteos pela primeira vez no Agrinordeste, haverá comercialização dos produtos finais e dos serviços das indústrias. Com informações sobre melhorias tecnológicas e capacitação, acreditamos que podemos melhorar a produção de Pernambuco, melhorando a eficiência na competição com outros estados e no mercado internacional”.

A novidade este ano é o Show de Lácteos, exposição de produtos derivados do leite, coordenada pelo Sebrae há seis anos. A mostra contará com 20 estandes de marcas conhecidas do mercado que reunirão os principais produtores de lacticínios de Pernambuco.

De acordo com o coordenador da feira de lácteos, Moshe Dayan, Pernambuco tem mais de cem empresas formais nesse setor, principalmente de produção de queijos. “É um setor em expansão, as empresas estão aprimorando a qualidade do produto, diversificando os tipos, melhorando as embalagens”, observa.

“As empresas pequenas têm espaço muito grande no Estado pela tradição, consumo popular e cultura dos nossos queijos, todos de qualidade. A melhoria da qualidade do produto é visível na nossa região, podem ser consumidos sem nenhum problema”.

As inscrições para a 17ª edição do Agrinordeste custam R$ 60 para profissionais e R$ 30 para estudantes. As vagas são limitadas por área temática, com prioridade para os participantes envolvidos com cada setor. Quem se inscrever para uma determinada área temática, terá direito a participar também das oficinas e mini-cursos de cada setor.

As oficinas e mini-cursos em uma das áreas de Aqüicultura, Apicultura, Floricultura, Caprino-ovinocultura, Fruticultura e Turismo Rural também custam o mesmo valor. Informações: (81) 3972-5377 ou através do site da Agrinordeste.

Do PE 360 graus / Imagem: agrotec.wikidot.com/agronomia

Anúncios

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s