Investimento em cooperativas leva desenvolvimento ao interior de Alagoas

07/03/2012

OUTROS TEMAS

O incentivo ao trabalho dos pequenos produtores do interior do Estado tem mudado a realidade de centenas de famílias alagoanas. Por meio de um convênio firmado em 2008 com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), o Governo já investiu R$ 1,6 milhão na capacitação e na estruturação de cooperativas, possibilitando a expansão da renda média e do faturamento mensal dos cooperados em até oito vezes.

Os recursos vêm sendo aplicados na inclusão social e produtiva de famílias inscritas no Cadastro Único do Programa Bolsa Família, por meio do incentivo ao desenvolvimento da cadeia produtiva da ovinocaprinocultura no Sertão. Três cooperativas inseridas nesse contexto estão sendo atendidas diretamente: a Cooperativa de Produtores Rurais do Sertão de Alagoas (Cafisa), a Associação de Produção Artesanal de Cosméticos de Maravilha (Natucapri) e a Associação dos Artesãos de Couro de Batalha (Sertanejas).

Até agora, o convênio possibilitou, principalmente, a realização de capacitações para os pequenos produtores e associados. Com isso, eles aprenderam a otimizar a produção e a evitar o desperdício, melhorando, consequentemente, a qualidade do material final.

“Outra característica que vem sendo trabalhada é a estratégia de comercialização dos produtos, que é o grande desafio do Estado quando se fala em cooperativismo. Com os investimentos que vem sendo feitos e com o que ainda está para ser aplicado até o final do convênio, será possível melhorar ainda mais esse aspecto”, destaca o superintendente de Desenvolvimento Setorial e Regional da Secretaria de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico (Seplande), Michael Chinelato.

Ainda este mês, o MDS deve liberar mais R$ 1,6 milhão para as cooperativas, recurso relativo à segunda parcela estabelecida no convênio. Segundo a gerente de elaboração de projetos da Seplande, Dayse Souza, a verba será destinada, entre outras coisas, para a aquisição e entrega de 2.400 matrizes leiteiras para os cooperados, o que deve acontecer até junho.

Os recursos ainda devem contemplar ações de fortalecimento das cooperativas, como aquisição de novas máquinas e material de trabalho, além do fortalecimento de mão-de-obra, com investimentos em mais capacitação.

O POVO Online

About these ads

Conecte-se

Assine o nosso feed RSS e perfis sociais. (Subscribe to our RSS feed and social profiles.)

Nenhum comentário ainda.

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 6.090 outros seguidores