Impsa expandirá fábrica de aerogeradores em Suape

09/02/2012

ENERGIA

Empresa investirá R$ 35 milhões na unidade pernambucana

A empresa do ramo de energia eólica Impsa participou, em São Paulo, do Wind Forum 2012, com o objetivo de encontrar clientes e discutir questões relevantes para o setor. Apesar de não poder adiantar nenhum acordo, o diretor Comercial do grupo argentino, Paulo Ferreira, explicou que alguns contatos resultam em boas negociações. O foco, no entanto, está nas novas fábricas e no leilão de energia que acon­tecerá no próximo mês. Para 2012, a Impsa se prepara para a construção de três novas fábricas, além da expansão da já existente, no Com­plexo Industrial Portuário de Suape. “Na fábrica de aerogeradores, que já existe em Pernambuco, vamos investir R$ 35 milhões”, esclareceu.

Em uma distância de dois quilômetros, já está em construção a fábrica de Hydro, que receberá um montante de R$ 150 milhões. “Ela será uma fábrica gigantesca. O galpão principal terá 300 metros de comprimento. Teremos máquinas que aguentarão peças de 200 toneladas. Também teremos uma que aguentará peças de 500 toneladas, para as turbinas de Belo Monte. Esse será um dos maiores galpões do Brasil”, explicou. A estimativa é que já tenha máquinas em operação em junho deste ano.

As outras duas fábricas também serão de grande importância para a marca. No Rio Grande do Sul, será construída uma nova fábrica de aerogeradores, com capacidade de produzir 140 máquinas por ano. Ela deverá fornecer o material para as usinas de Santa Catarina. Segundo Ferreira, o investimento será algo em torno de R$ 60 milhões e R$ 80 milhões. A terceira é de eletrônicos, que terá valor agregado “muito grande”. “Serão feitas os conversores eletrônicos de potência e sistema de controle dos aerogeradores. É o cérebro e o coração do aerogerador. Terá uma sofisticação muito grande”, afirmou Ferreira. Apesar da relevância, o local que receberá o investimento de R$ 30 milhões ainda não foi decidido.

De olho no mercado nacional, a Impsa também se prepara para o leilão que acontece em março. A expectativa é que sejam colocados à venda 2 mil megawatts (MW).

Rodrigo Lins / Folha-PE

About these ads

Conecte-se

Assine o nosso feed RSS e perfis sociais. (Subscribe to our RSS feed and social profiles.)

Nenhum comentário ainda.

Comente agora!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 6.098 outros seguidores